08/09/2021 Dicas para o vestibulando

Pegadinhas que costumam cair no vestibular

Escrito por Hexag Educação @hexagmedicina
Pegadinhas que costumam cair no vestibular

Você sabe quais são as pegadinhas no vestibular mais frequentes? Quem está se preparando para uma prova de vestibular ou Enem deve ficar atento para questões que podem representar perda de pontos por mero descuido.

Preparar-se por anos para ver a chance de ingressar no ensino superior ir embora por falta de atenção não é uma opção, não é mesmo? Continue lendo para saber mais sobre essas pegadinhas e como fugir delas!

Pegadinhas no vestibular: saiba quais são as mais frequentes

As pegadinhas do vestibular nada mais são do que questões elaboradas para testar a atenção dos candidatos. Até o mais preparado dos estudantes não está imune a se deixar enganar por um enunciado escorregadio.

Em geral, essas questões são respondidas erroneamente muito mais por uma questão de nervosismo do que por falta de conhecimento. Para te ajudar a driblar essas questões que, em muitos casos, induzem ao erro, falaremos mais sobre elas e como não cair nessas armadilhas.

1. Todas as alternativas parecem estar certas

Certamente, você já se deparou com alguma questão de simulado que parece ter todas as alternativas corretas. No vestibular e no Enem, essa é uma pegadinha bem recorrente. Basicamente, nesse tipo de questão todas as alternativas apresentam elementos corretos, porém, somente uma delas tem todas as informações certas.

Para evitar ser induzido ao erro, é interessante ler com bastante calma o enunciado e as alternativas. Sublinhe as informações corretas de cada questão. Outra abordagem é riscar as informações erradas fornecidas em cada questão.

Se questione sobre qual das alternativas é a mais correta de acordo com o que pede o enunciado. Há casos em que algumas alternativas não apresentam, necessariamente, informações erradas, mas não são condizentes com o enunciado. Em resumo, nada que uma leitura com mais atenção não resolva.

2. Enunciado que pede a alternativa incorreta

Uma pegadinha frequente e que confunde muitos candidatos é a questão em que se pede a alternativa incorreta. Os estudantes estão acostumados a buscar pela alternativa correta e, se não tiverem atenção ao ler o enunciado, podem acabar perdendo a questão. Afinal, em um universo de 5 alternativas, haverá 4 corretos e 1 incorreta (a que precisa ser assinalada, nesse caso).

Sendo assim, não seja ansioso e nem apressado, leia as instruções do enunciado para escolher a resposta certa e marcar seus pontos. Uma forma de evitar esse tipo de armadilha é se condicionar a ler o enunciado, marcando palavras-chave como “alternativa correta” ou “alternativa incorreta”. Responder uma questão pegadinha corretamente pode ser o diferencial para conquistar a sua vaga no ensino superior.

3. Uso de generalização

Termos que levam à generalização, como “nunca”, “todos”, “sempre”, entre outros, representam um grande risco para os estudantes no vestibular. Alternativas em que há esses marcadores costumam estar erradas, no entanto, não as descarte sem ler com atenção.

Apesar de pouco frequente, pode acontecer de uma alternativa com generalização estar certa. Tudo depende da possibilidade de existência de tal consistência. Leia tentando compreender o que o enunciado está pedindo.

4. Uso de parônimos

Palavras que têm fonética e grafia semelhantes, porém, significados distintos recebem o nome de parônimos. Um bom exemplo é “cumprimento” (saudação) e “comprimento” (tamanho). Quando se está fazendo uma prova de tamanha importância, como o vestibular, e com muitas questões, é bem fácil se confundir.

Para não incorrer em um erro causado por parônimos, a dica é ler o enunciado para identificar o que está sendo pedido. Leia mais de uma vez, pois a pressa é inimiga da perfeição e pode te impedir de identificar uma pegadinha. Caso se depare com palavras que podem ser parônimas, vale a pena sublinhá-las e pensar a respeito antes de seguir para a questão seguinte.

5. Enunciados e alternativas longos

O vestibular, mais do que uma prova de conhecimentos, é também um teste de atenção e capacidade de concentração. Por isso, algumas questões têm como pegadinha enunciados e alternativas com textos extensos. Ao longo desses textos, são fornecidos elementos essenciais para responder a questão (enunciados) e informações falsas (alternativas). Não deixe que os textos longos te distraiam.

Leia com calma e assinale as palavras-chave, marque as passagens mais relevantes. Trate essas questões como textos convencionais, que você precisa ler e extrair elementos como seu objetivo e dados mais importantes.

6. Cálculos enormes que podem ser evitados

Uma das pegadinhas mais frequentes dos vestibulares é ter uma questão que demanda um cálculo enorme e desgastante, mas que na verdade poderia ser respondida em segundos apenas compreendendo o enunciado. Para não cair nesse tipo de armadilha, é crucial ser um bom administrador do seu tempo durante a prova.

Fazer uma leitura atenta das questões é fundamental para conquistar mais pontos. Sendo assim, se programe para ter tempo suficiente para ler com atenção todas as questões, podendo escolher com mais critério as respostas. Nas questões das ciências exatas, vale a pena pensar com a lógica, usando para isso desenhos e tabelas feitos por você mesmo.

Agora você está pronto para fugir das principais pegadinhas do vestibular! Confira mais dicas navegando pelo blog do Hexag Medicina!

Retornar ao Blog