22/07/2022 Geografia

Quais são os tipos de desertos?

Escrito por Hexag Educação @hexagmedicina
Quais são os tipos de desertos?

Você sabia que existem diferentes tipos de desertos? Os desertos são regiões cuja principal característica é a escassez de chuvas que podem ser encontradas em todos os continentes. Sendo assim, existem regiões desérticas quentes e frias. Prossiga a leitura para saber mais sobre esses locais tão peculiares.

O que são desertos?

Para ser classificada como desértica, uma região deve receber menos de 250 milímetros de chuva por ano. O clima nos desertos geralmente envolve os tipos árido ou semiárido.

Nos desertos há baixa umidade e amplitude térmica elevada, as condições geográficas são inóspitas. Há elevado teor de areia nos solos desérticos e, por isso, são considerados ambientes de baixa fertilidade. Essas características tornam o desenvolvimento de formas de vida bastante difícil. 

As regiões desérticas apresentam formações de relevo variadas, podem ter de dunas a montanhas. Os desertos estão localizados em todos os continentes do planeta, cobrindo uma área significativa do globo. De acordo com as suas condições climáticas, os desertos são categorizados como quentes ou frios. Para se ter uma ideia, o maior deserto do mundo é a Antártida. 

Essas áreas têm a sua formação associada às condições geográficas locais como o clima. Contudo, também têm relação com as atividades humanas no meio ambiente. Os desertos são tidos como áreas ambientais perigosas pelo fato de terem condições climáticas extremas.

Solo dos desertos

Os desertos apresentam solo tipicamente arenoso, isto é, com elevado teor de areia. Esse tipo de solo apresenta capacidade reduzida de reter água e possui poucos nutrientes. Por isso, em áreas desérticas apresenta baixa fertilidade. 

Nessas regiões há o predomínio da erosão eólica marcada pela ação do vento sobre o solo, constituído especialmente de areia. Como apresenta baixo albedo, o solo do deserto tem capacidade reduzida de absorver a radiação solar. Inclusive, esse é um dos fatores que explica a grande amplitude térmica do local. 

Hidrografia dos desertos

A hidrografia dos desertos classificados como quentes (confira abaixo) é bastante restrita, haja vista que há baixíssima precipitação. Esse fator impede a formação dos cursos de água.

Grande parte dos rios e lagos desses desertos se apresentam de forma intermitente com grande quantidade de água salgada. Há intenso processo de evaporação, o que impede a formação de grandes volumes de água. 

Quais são os tipos de desertos?

A classificação dos desertos leva em consideração as condições climáticas da região. Os desertos são divididos em dois grandes grupos: quentes e frios. A seguir explicaremos melhor a respeito dessas duas categorias.

Desertos quentes

Os desertos quentes estão, de forma geral, situados nas faixas tropicais do planeta. A sua característica mais marcante é apresentar temperaturas elevadas. Nessas regiões há muita evaporação e pouca precipitação. Também possuem grande amplitude térmica e se caracterizam pela baixa umidade do ar. Um exemplo de deserto quente é o Saara. 

Desertos frios

Esses desertos estão situados nos extremos do globo, especialmente nas regiões de clima subtropical. Os territórios desérticos frios têm como característica mais marcante o ar seco devido à sua baixa umidade relativa do ar. Esses locais apresentam ar extremamente frio. Um exemplo de deserto frio é a Antártida. 

Como se formam os desertos?

Há dois fatores centrais que explicam a formação dos desertos: condições naturais da geografia local e ação antrópica (transformação do ambiente). 

Condições naturais

Esse fator diz respeito às condições naturais da região que são favoráveis para o processo de desertificação. Geralmente, os desertos são ambientes localizados em zonas com poucos ventos úmidos, o que acarreta em baixa umidade e baixíssima precipitação. 

Ação antrópica 

Esse fator diz respeito à ação humana na transformação do meio ambiente através do desenvolvimento de diferentes atividades produtivas. O processo de desertificação leva à perda considerável da qualidade e fertilidade do solo. Queimadas e desmatamentos são ações antrópicas relevantes para que ocorra esse processo. 

Conheça os cinco maiores desertos do mundo

A seguir você poderá conferir quais são os cinco maiores desertos do planeta.

1 – Deserto da Antártida

Apresenta área aproximada de 14.200.000 de km2.

2 – Deserto do Ártico

Sua área aproximada é de 13.900.000 km2.

3 – Deserto do Saara

Possui área aproximada de 9.000.000 km2.

4 – Deserto da Arábia

Tem área aproximada de 2.600.000 de km2.

5 – Deserto de Gobi

Sua área aproximada é de 1.300.000 km2

Desertos são perigosos?

O principal perigo que uma área desértica oferece é o seu conjunto de condições naturais. Regiões desérticas são bastante inóspitas, particularmente pela falta de fontes de água e por ter condições extremas de temperatura. 

Essas particularidades tornam bem difícil as condições de vida humana nessas áreas, assim como a prosperidade de boa parte das espécies de plantas e animais. Áreas desérticas são pouco povoadas e têm baixo registro de realização de atividades produtivas. 

Gostou de saber mais sobre os desertos quentes e os desertos frios? Para conferir mais conteúdos como este e dicas para o Enem e o vestibular, acesse outros posts do blog do Hexag Medicina!

Retornar ao Blog