24/09/2021 Redação

Qual a diferença entre assunto e tema?

Escrito por Hexag Educação @hexagmedicina
Qual a diferença entre assunto e tema?

Entender a diferença entre assunto e tema é imprescindível para quem está se preparando para prestar o vestibular e o Enem. Para redigir uma redação coerente é fundamental que o candidato organize as suas ideias, de maneira que atenda ao que está sendo pedido pelo enunciado. Continue lendo e conheça essa diferença e como ela se reflete em uma boa redação.

Entenda a diferença entre assunto e tema

Candidatos que não sabem diferenciar assunto e tema têm mais chances de zerar na redação. Essa é uma questão crucial para construir um texto com bom desenvolvimento e que esteja de acordo com as demandas do enunciado. Em linhas gerais, o assunto é mais amplo e genérico, podendo se desdobrar em temas.

Para que seja mais fácil de compreender, vamos exemplificar: terrorismo é um assunto, pois é amplo e não é delimitado. A partir desse assunto, podemos discutir uma série de temas, como ataques terroristas a locais específicos ou o acirramento religioso gerado por ações terroristas. Se você ainda está com dúvidas pode ficar tranquilo, pois vamos conceituar o que é tema a seguir. 

Conceito de tema

O tema é um recorte de um assunto e apresenta um ponto de vista, permitindo que se inicie uma discussão a respeito. Nas propostas de redação de vestibulares e Enem são apresentados temas com os quais o candidato deve trabalhar ao longo do seu texto. É essencial não desviar o foco da ideia geral, ou seja, não se pode sair do tema da redação.

Daremos um exemplo, imagine uma proposta de redação em que o tema é: “Voto: direito e dever dos cidadãos”. Para que o candidato não fuja do tema, é importante que o contextualize dentro do assunto. Essa contextualização pode ser feita com frases como: “O voto é uma ferramenta através da qual os cidadãos exercem a sua cidadania”. 

Na sequência, o candidato deverá apresentar o seu ponto de vista a respeito do voto, que é o tema. Com o ponto de vista claro, é importante prosseguir, apresentando argumentos que sustentem a sua tese. 

Nessa proposta de redação do exemplo fica evidente que a discussão não gira em torno da cidadania em si, mas da forma como o voto pode ser usado para defendê-la. Quando há a compreensão a respeito da diferença entre assunto e tema fica bem mais simples desenvolver a proposta de redação com boas chances de tirar uma boa nota. 

O tema está contido no assunto

A principal compreensão que se deve ter é a de que o tema está contido no assunto. O assunto é amplo, caracteriza-se por sua abordagem global. O tema consiste em uma parte contida dentro do assunto, ou seja, se trata de um recorte. Uma boa base de leitura é determinante para ir bem na produção textual da redação. É crucial compreender de que ponto partir e em qual ponto se quer chegar. 

Dicas para produzir uma boa redação em vestibulares e Enem

A redação é uma questão que tira o sono de alguns candidatos que estão se preparando para vestibulares ou para o Enem. Porém, não precisa ser dessa forma, basta se atentar para alguns pontos relevantes para produzir um texto digno de uma nota alta. Confira, a seguir, um compilado de dicas para não ter problemas com a redação. 

1. Escreva utilizando a norma culta

Certamente, essa é uma das dicas mais importantes para conquistar uma nota alta na redação de vestibulares e do Enem. É fundamental demonstrar que tem domínio da língua portuguesa na norma culta. Redija seu texto seguindo as regras gramaticais e com a linguagem formal. 

2. Leia e interprete o enunciado

A capacidade de interpretação de texto é fundamental para quem deseja chegar ao ensino superior. O candidato deve ler a questão, interpretando qual é a mensagem contida na proposta do enunciado. 

3. Estrutura correta

A redação do Enem e de boa parte dos vestibulares deve utilizar a estrutura de texto dissertativo-argumentativo em prosa. Lançar mão da estrutura correta é fundamental para uma boa nota. 

4. Ponto de vista

A redação, especialmente a do Enem, precisa defender um ponto de vista a partir da seleção, organização e relação entre informações, fatos, argumentos e opiniões. 

5. Argumentação construída

O candidato deve saber organizar e estruturar os seus argumentos dentro do texto. Isso quer dizer que não basta ter bons argumentos é crucial saber como utilizá-los bem. 

Redação do Enem: proposta de intervenção

A redação do Enem tem como uma de suas principais exigências a apresentação de uma proposta de intervenção pelo candidato. Em outras palavras, o candidato precisa apresentar uma proposta de intervenção, isto é, uma medida que possa ser adotada para que o problema trabalhado ao longo do desenvolvimento possa ser solucionado. A medida apresentada deve ser alinhada com os direitos humanos. 

Agora você já sabe qual é a diferença entre assunto e tema! Aproveite para navegar pelo blog do Hexag Medicina para conferir mais dicas para turbinar seus estudos!

Retornar ao Blog